Full width home advertisement

Post Page Advertisement [Top]

Análise Sangatsu no LionAnálise Semanalresenharesenha críticaSangatsu no Lion

3-Gatsu no Lion #08 | Análise Semanal


Após uma longa semana sem este boníssimo entretenimento, Sangatsu no Lion traz seu oitavo capítulo que mostra literalmente os dois extremos do seu clima predominante. 

A primeira parte do episódio em um todo foi muito extrovertida; Acabamos realmente aprendendo sobre as peculiaridades e atributos de cada peças de shogi, do jeito mais fácil e ilustrativo o possível graças aquele gorducho que consegue alegrar as irmãs. Em meio ao humor de Nikaidou em satisfazer a alegria das crianças e o desconforto de Rei com a situação embaraçosa, o garoto acabou se lembrando do quão difícil é o desafio em que está à prova.

Kiriyama sente mais pressão do que nunca por estar balanceado entre vitórias e derrotas, e o medo de perder emerge em sua mente de tal maneira pessimista que ele praticamente acaba se afundando na própria solidão. Foi muito bacana - e importante - ele ter lembrado que está agora onde seu pai sempre almejava ficar, acredito que este sentimento se torne no momento um pouco confortante para o garoto, já que ele sempre se esforçava no shogi para ver seu pai pensante nas estratégias que tomavam em suas partidas.


A segunda metade do episódio veio literalmente como um relâmpago que trouxe junto uma intensa chuva. Kyouko surgiu no momento errado e deixou o depressivo protagonista ainda mais abalado com sua próxima partida. A garota dos cabelos loiros é ainda mais fria do que eu imaginava pelas citações anteriores do protagonista; Age com uma verdadeira possessão para cima de Rei e sua demonstração de "amor" é bem mais inconsistente do que se espera. Seus diálogos tentam contornar a situação para favorecer o seu lado, e o pior de tudo, ela usa da provocação psicológica contra o protagonista para prensá-lo na parede, o que aparentemente funcionou bem. O estranho é que em alguns momentos ela se comporta como se realmente tivesse afeto ou qualquer outro tipo de sentimento por Kiriyama, com fraternidade, mas isso é sempre deixado de lado com um próximo diálogo nocivo. A relação dela e seu namorado não pode ser considerada como algo normal, o rapaz já agrediu Rei (?????), e mesmo sabendo que ele não é uma pessoa íntegra ela continua ao seu lado, sempre sobre um sorriso perverso e ameaçativo. 


Lembrar Rei que se derrotar o velho na sua próxima partida faria ele encerrar sua carreira e incitá-lo a abrir mão da vitória por uma "boa causa" foram dedadas na cicatrizes do garoto, e não descartavelmente uma psicologia reversa; Poderia dizer que foi praticamente um golpe baixo, mas não dá pra consolidar as verdadeiras intenções de Kyouko nessas declarações, ela não se mostra totalmente e isso a torna uma grande personagem cativante, mesmo que não saibamos para qual lado ela está jogando. Sua beleza é realmente um perigo e Rei aparenta saber disso melhor do que ninguém.

Avaliação: 4/5

Extras



Bela fotografia, a direção visual deste anime faz bonito em todos episódios.


Digamos, Rei, que isso seja um bait venenoso.

***

Bottom Ad [Post Page]