Full width home advertisement

Post Page Advertisement [Top]

Análise Semanalanálise semanal made in abyssMade in Abyssresenharesenha crítica

Made in Abyss #12 | Análise Semanal


Como não se surpreender com este pedido “Por favor mate a Mitty por mim”? Qual o passado da Nanachi e Mitty? Aonde isso ocorreu? Digo ainda temos várias perguntas, e neste episódio uma foi respondida, como a maldição do abismo funciona? Por outro lado fomos tentando a lembrar do quão cruel e quais os riscos de se apegar por alguns personagens.


Clique Aqui e Veja as Análises dos Episódios Anteriores de Made in Abyss.

O pedido da Nanachi veio para ser o cliffhanger, mas acabou tomando muito do meu interesse, não é frequente se ver decisões emotivas ou problemas desagradáveis sendo tratados em animes, afinal gostamos de ver coisas boas, e é justamente nessa receita que made in abyss tenta ser diferente.



Não é só ser cruel, é ser “humano” e complexo, Nanachi entende a sua impossibilidade ao mesmo tempo que sente a necessidade de libertar a Mitty da sua prisão, então seria a eutanásia a opção mais certa? Provavelmente temos um debate do qual precisamos saber do passado delas para entender, não seria estranho o último episódio abordar esta dúvida.

Por isso o pedido gera só suposições sobre as reais intenções, seria para se livrar do fardo de ter que cuidar da amiga ou é uma forma de salvar sua amiga do sofrimento? Deixando esta questão para o futuro, o anime agora se propôs a responder o porquê a Riku, Mitty e Kiwi (Kiyui, garoto com febre) sofreram, estamos falando do funcionamento do campo gravitacional e da física envolvida na maldição do abismo.


Quando afastaram o garoto do abismo, esta imagem lembra muito "Nausicaä do Vale do Vento"
Para quem sabe um pouco e gosta de física pode fazer alguns paralelos reais sobre o funcionamento do abismo, por exemplo não seria a primeira vez que um pano ou véu é usado para explicar as deformações sofridas na gravidade pelos outros objetos, apesar delas não causarem os danos que vimos na realidade, e também não é surpresa que a maldição se baseie na gravidade.

Quando vimos sobre a diferença temporal para quem está no fundo e para as pessoas na superfície, se poderia arriscar e dizer que isso é o mesmo efeito visto nos relógios dos satélites ao se comprar com os da Terra, mesmo tendo no anime um efeito super efetivo, pois de fato a diferença é de milissegundo e não de anos, portanto de modo geral o anime tenta basear a sua ficção em algo bem real e aceito com seus efeitos aumentados.

Ele ainda tenta ser diferente na sua abordagem durante a luta, existia algo a mais do que só matar o monstro, a intenção era de retirar algum item, porém acabou sendo uma forma de acabar com o perigo e ainda mandar uma mensagem para cima, e também monstro que o abismo não é tão inóspito passa umas pessoas de vez em quando.



No geral é mais um episódio dentro normal, estamos esperando a Riku acordar e a resolução da Mitty, não é um ponto muito emocionante, gostaria de maratonar tudo isso, pois estou curioso sobre outras coisas. O problema maior é não termos a segunda temporada.

Extra:

Teve uma nova personagem bem trabalhada, gostei muito do design dela (cabelo):






Avaliação: ★ ★ ★ ★ ★ 

Bottom Ad [Post Page]