Full width home advertisement

Post Page Advertisement [Top]

Hakumei to Mikochiresenharesenha crítica

Hakumei to Mikochi | Primeiras impressões


Minhas previsões eram de um verdadeiro Slice of Life (SoL) capaz de se apoiar em poucos personagens, ser simples, aproveitar o momento, viver aquele instante ou encontro que te faz feliz e triste. Hakumei to Mikochi é tudo isso e mais um pouco, sendo um dos únicos verdadeiramente Iyashikei da temporada.

Iyashikei é um termo para descrever uma linha tênue entre slice of life ou vida diária de algo capaz de produzir sentimentos, curar, aliviar quem assiste. O objetivo é totalmente diferente de Shoujo Shuumatsu Ryokou, por exemplo, onde o foco era o mono no aware e suas filosofias. Somente o conceito da soma de opostos continua.

O feliz e o triste sempre foram parte de qualquer SoL decente, então esta é a primeira parte do episódio na história do pássaro, servindo como um bom exemplo de drama para valorizar a felicidade a seguir, o modelo se repete com a perda da carteira, tudo segue o padrão falado na review de Binchou-tan.



São problemas simples, dramas que servem de exemplos para o que é “ser feliz”, o anime entende estes conceitos e aplica muito bem - duas vezes ainda, sem alterar muito seu ritmo, afinal ninguém está com pressa. Não existem histórias, tramas, suspenses e nem vontade de chegar no fim.

Se chega à um final nossa recompensa é diferente, temos um clímax acompanhado de belo background e música, o interessante é ter dois episódios comprimindo em um, por isso tudo é em dobro e ainda se tem um pequeno arco que liga eles ou uma sequência de fatos para um dia qualquer na vida deles.



Os personagens são queridos ao natural porque são verdadeiros, humildes e muito felizes, o mundo deles é muito calmo e interessante, que diferente de outras obras não será explorado e sim aproveitado para criar relações como a mestra da loja e os vendedores. Para ser bonito estes são os princípios a serem seguidos, tudo além disto é inovação.

E para talvez tornar o anime mais aberto e menos parado, seu humor é muito presente, esta é uma necessidade para que algumas pessoas não se sintam sem nada ou esperando por algo. A parte boa é que não se gasta tanto tempo neste opcional, a produção concentra seus recursos nas partes importantes, e apesar de ser simples animar um SoL, não existem exageros em nenhuma cena.



O importante é não faltar qualidade, e para isto existe o recurso de direção de se animar partes da tela deixando o restante parado, estrategia também vista em Kuzu no Honkai com aqueles quadros animados em fundos de texturas. Isto querendo ou não é uma fraqueza da série que deve ser usada pelo diretor a seu favor. Os flashbacks são um exemplo de como a economia não precisa estragar o anime.



Agora resta acompanhar este puro slice of life e assistir a vida de Hakumei e Mikochi na sua pequena cidade e nas suas pequenas vidas enquanto nós redescobrimos o valor das coisas simples e recebemos uma cura para a mente depois de um dia qualquer.


Avaliação: ★ ★ ★  ★ (+)

Bottom Ad [Post Page]