Full width home advertisement

Post Page Advertisement [Top]

Análise SemanalAnálise Semanal Sora Yoriresenharesenha críticaSora yori mo Tooi Basho

Sora Yori mo Tooi Basho #6 | Análise Semanal


Clique aqui para ler a análise dos episódios anteriores de Sora Yori.

O episódio 6 de Sora Yori mo Tooi Basho é divertido, dramático, mas, acaba não desencadeando o andamento da trama e por isso, acaba passando uma impressão de ser desnecessário, mas, analisando mais a fundo, podemos ver que esse episódio nos trás muito mais do que um simples desperdício de tempo. 


Os aspectos técnicos de produção desse episódio se mantiveram no nível dos anteriores, ou seja, estão excelentes, mas com uma coisa superior aos outros cinco episódios: um cuidado maior com os cenários, que, particularmente nesse episódio foram muito bem feitos. Singapura (cidade-estado onde se passa o episódio), até onde pude constatar, foi visualmente bem representada, assemelhando-se consideravelmente do encontrado na realidade.

A trama, como disse no primeiro parágrafo, no final das contas, não andou, não houve progresso real da ida das garotas à Antártica, apenas houve uma parada em outro país e um drama bem feito, com um ótimo trabalho de personagens, encerrando-se com uma solução um tanto quanto simplória e cômica, com quebra de expectativas. Esse não-avanço do enredo pode ser considerado uma falha de narrativa, pois, mesmo que o foco do episódio se encontre na construção de personagens, a trama, dentro do estilo de narrativa que o anime estava entregando, deveria continuar a prosseguir, mesmo que mais lentamente, para que o ritmo (pacing) seja mantido e para que o espectador mantenha o interesse e a atenção. 


No entanto, esse episódio não pode ser considerado inútil de nenhuma maneira, pois importantes eventos para a construção de duas personagens acontecem — as pesadas cenas de discussão no quarto e no balcão, onde ocorreram demonstrações de outras facetas e também conflitos de ideias entre Shirase e Hinata, que expôs mais um fragmento de seu passado (background) — ela (Hinata) não gosta que as pessoas sejam atenciosas ou que se importem muito com ela, pois, nunca é possível saber o quão genuína essa importância dada a ela é. Isso fez com que ela não suportasse mais o ensino médio, levando-a buscar a solidão. Além de mostrar esse importante fragmento de seu background, Hinata também demonstrou como esses acontecimentos de seu ensino médio moldaram a sua personalidade presente, ao dizer que as garotas poderiam ir sem ela, personalidade essa que se conflita com a personalidade de Shirase, que, por outro lado é teimosa, não aceita que digam que ela precisa fazer algo que vá contra os seus objetivos e convicções, ou seja, ela não aceita deixar Hinata de lado e seguir em frente, pois, desde o início a viagem estava planejada para que todas fossem juntas e isso, para Shirase, é uma prioridade, ela resiste em desistir. 


Esperemos que o próximo episódio de Sora Yori avance mais a trama e que as garotas, depois de tanto esforço, finalmente cheguem a Antártica e que lá, ainda assim, haja conflitos, desenvolvimento de personagens e ótimas cenas, como é de costume.

Avaliação: ★ ★ ★  
***

Bottom Ad [Post Page]