Full width home advertisement

Post Page Advertisement [Top]

Análise Semanalanálise semanal darling in the franxxdarling in the franxxresenharesenha crítica

Darling in the Franxx #20 | Análise Semanal


Há alguns momentos nos animes em que existe a necessidade de se atualizar o “plot”, antes “o que é Plot?” Se ignorado o significado em inglês, o termo plot no mundo das histórias pode ser definido pela seguinte frase “Maria e João foram capturados pela bruxa, como eles vão escapar? ” No caso de Darling “O mundo vai ser destruído, como eles vão se salvar? “.

O problema de Darling era sua ausência de destino/rumo, ele estava passado por uma fase slice of life apenas expondo seus dramas sem qualquer destino ou motivação sendo seguida, pois eles querem fugir, mas não fazem nada para fugirem. É então que o anime decide encurralar seus protagonistas mudando seu plot ao custo de quê?
Primeiro, muitos não gostaram da ideia do anime se propor a algo que talvez não há tempo suficiente e pela alta necessidade de suspensão de descrença por quem assiste, também ele entregou seu segredo para muitos e estávamos esperando pela execução que no caso não teve o impacto esperado.

E na minha visão esta é a formula Trigger onde pouco antes do final surgi algo, uma complicação inesperada, para guiar o anime ao desfecho de forma direta e rápida. O que considero uma ótima escolha se tivesse mais tempo, e este é o maior temor, Darling tem somente mais quatro episódios e precisa ainda trabalhar o seu novo plot e revelar outros detalhes.

Por isso é certeza os próximos episódios serão acelerados e dinâmicos porque senão a situação só tende a piorar. Porém não há só problemas, tivemos cenas bem animadas e as revelações por parte da 01 contra a 02 reabriu as antigas feridas de todos. A união entre eles é o elemento mais trabalhado no anime e vai ser primordial para um bom final e para salvar a Terra.

Portanto mesmo não gostando do lado Legend of The Galatic Heroes não existem muitos motivos para se preocupar e os problemas não são novos, assim considero que há boas chances de Darling terminar com algo no mínimo agradável e resolvido. Ainda mais por inverter frequentemente os papeis e a Kokora estar gravida.
E como ele foca na evolução dos personagens separar eles e ver o resultado é mais interessante do que ver o como eles vão salvar o mundo, tanto é que o diretor focou mais em cenas onde a 01 beija o Hiro do que cenas explicado o passado dos Virm. A pretensão é a mesma de quando o Hiro foi separado da 02 e a Ichigo se intrometeu aplicado ao lado da 02.

E finalmente por curtíssimo tempo Hiro desafia os APE e deixa claro que quer um futuro, e talvez seja possível, e a explicação pode ter haver com o motivo da Kokoro estar gravida, eles são humanos normais, essa é melhor teoria, mas não devemos esquecer do que o diretor disse, para alguns o final não será feliz. Para o desfecho espero que pelo menos nosso casal principal termine feliz e espero uma explicação melhor para os Klaxo sapiens e da 01.

Extra:

Virm + APE é um anagrama da palavra Vampire do inglês, que obviamente significa vampiro.



Bottom Ad [Post Page]