Full width home advertisement

Post Page Advertisement [Top]

2018animes temporadaJulho 2018Melhores Animes da TemporadaprimaveraTOP 10 dos Leitores Julho 2018TOP dos Leitores

[RESULTADO] TOP 10 dos Leitores | Julho/Verão 2018

E chegou o dia de mostrar os resultados da votação de melhores animes da temporada de Julho/Verão 2018 para os leitores do HGS Anime. Lembrando que o TOP oficial do blog sai na próxima semana!

Os animes abaixo estão em ordem do 
décimo ao primeiro colocado, com a sinopse, a porcentagem de votos que ele obteve e um comentário a respeito do resultado. Lembrando que em caso de empate deixarei em ordem alfabética como forma de desempate. Ah, e é importante dizer: o HGS Anime não tem nada haver com o resultado, 

Em breve terá um TOP10 oficial no blog.




Guia de Animes Outubro (Outono/Fall) 2018


10º -  Planet With (22%)


Fonte: Original
Gênero: Comédia, Seinen, Sobrenatural
Diretor: Youhei Suzuki (UQ Holder!, Urara Meirochu)
Roteirista: Satoshi Mizukami (mangaká autor de Hoshi no Samidare)
Estúdio: J.C.Staff (Food Wars, DanMachi, Saiki Kusuo)
Episódios: --

SobreO teaser da história no site oficialJ diz: "Eu não sou um invasor, pois procuro vingança!"

Comentário (Nick): Décimo? Não vou dizer que esperava uma posição realmente maior, mas, ainda assim, é frustrante ver esse glorioso show ocupando um ultimo lugar. É compreensível, afinal ninguém viu Planet With. (Ele estar no top já é um milagre!)

Estou sinceramente feliz que Planet With exista. E não apenas porque foi uma ótima série, mas também porque foi um momento seminal com Mizukami Satoshi finalmente sendo trazido para a tela. Os espectadores de anime agora têm uma noção de quem ele é e do que ele é capaz, e Planet With é um exemplo bastante representativo de seu trabalho em muitos aspectos. Ele nasceu para escrever para animes. 

Planet With foi capaz de comprimir tanto conteúdo em 12 episódios, e tudo o que posso dizer é "espero que muitos escritores da industrias estejam se rasgando de inveja". 

9º -  Chio-chan no Tsuugakuro (25,6%)
Fonte: Mangá
Gênero: Comédia, Slice of Life, Seinen
Diretor: Takayuki Inagaki (Rosario to Vampire)
Roteirista: Takayuki Inagaki (Rosario to Vampire)
Estúdio: Diomedea (Mondaiji-tachi, KanColle)
Episódios: --
SobreEsta é uma história de uma menina nerd a caminho da escola, e sim. Tomando o seu caminho "habitual", a história se torna uma aventura cada vez mais incomum, e ainda mais ridículo com os acontecimentos mais absurdos surgindo pelo caminho da garota. É preciso um sentimento desagradável com o qual muitos podem se identificar, a sensação de atraso e traz humor para isso - tornando-se uma situação hilária para se lembrar.

Comentário (Gapso): Como é de se esperar, as comédias tomaram conta desse top 10 de julho. E é só coisa maluca.

8º - Angolmois: Genkou Kassenki (25,6%)
Fonte: Manga
Gênero: Ação, Militar, Histórico, Drama, Samurai
Diretor: Takayuki Kuriyama
Roteirista: Shogo Yasukawa (Nejimaki Seirei Senki: Tenkyou no Alderamin)
Estúdio: NAZ (Hamatora, Hajimete no Gal)
Episódios: --

Sobre"Em abril de 1241, a grande parte da Europa Oriental foi completamente queimada e destruída durante a guerra que ficou conhecida como" Batalha de Liegnitz ". Anos depois, os estudiosos das profecias de M. Michel Nostradamus disseram que Mongólia é o lugar de nascimento do "rei que destrói o mundo "

Comentário (Gapso): Angolmois conseguiu, aparentemente, se manter relativamente popular mesmo decaindo ao longo das semanas. Curioso

7º - Hanebado! (25,6%)
Fonte: Manga
Gênero: Esporte, Seinen
Diretor: Shinpei Ezaki (Gunslinger Stratos, Guilty Crown Lost Christmas)
Roteirista: Taku Kishimoto (Gin no Saji, ERASED, 91 Days)
Estúdio: LIDENFILMS (Akashic Records, Killing Bites)
Episódios: --

SobreKentarou Tachibana é um treinador de badminton do ensino médio que tem mais entusiasmo do que membros em seu pequeno time. Um dia, ele conhece uma estudante de poucas palavras chamada Ayano Hanesaki, que é habilidosa e experiente em badminton. Ele tenta recruta-la, mas ela não demonstra interesse no esporte. Devido a uma série de circunstâncias, ela eventualmente entra para o clube de badminton. E o treinador Tachibana está determinado que, com a entrada dela, todos eles serão campeões.

Comentário (Nick): Aaaa, isso é muito ruim!! O que dizer sobre essa pilha de péssimo personagens!? Ayano tem um interruptor de personalidade; e as vezes o interruptor quebra no modo "insuportável". Mas, e o que a define? Bem, ela odeia a própria mãe. Todas as outras perguntas podem ser repandidas com: "ela odeia a própria mãe."

Isso aqui aqui é o "arroz com feijão" estragado do que se pede de animes de esporte. Talvez você não vomite, mas deve dar uma tontura. "Se persistirem os sintomas o médico deverá ser consultado."   

6º - Overlord III (29,3%)
Fonte: Novel
Gênero: Ação, Aventura, Fantasia, MMORPG, Sobrenatural, Magia
Diretor: --
Roteirista: --
Estúdio: Madhouse (No Game no Life, Overlord)
Episódios: --
PV1 

SobreTerceira temporada. A história começa com Yggdrasil, um popular jogo online que um dia é tranquilamente encerrado. No entanto, o protagonista Momonga decide não fazer logout. Momonga é então transformado na imagem de um esqueleto como “o bruxo mais poderoso.” O mundo continua a mudar, com os NPCs a começam a sentir emoções. Não tendo pais, amigos, ou lugar na sociedade, este jovem esforça-se então para dominar este novo mundo.

Comentário (Gapso): Mainstream tomando conta, ainda é um infeliz padrão que toma conta.

5º Steins;Gate 0 (29,3%)
Fonte: Visual Novel
Gênero: Sci-Fi, Thriller, Drama
Diretor: Kenichi Kawamura (Qualidea Code)
Roteirista: --
Estúdio: White Fox (Re:Zero, Shoujo Shuumatsu Ryokou)
Episódios: 23

SobreContinuação alternativa da série original Steins;Gate a partir do episódio 23B, em que Kurisu fica perdida em outra linha temporal devido a circunstâncias misteriosas. Saiba mais aqui.

Comentário (Gapso): Não merecia, nem faz sentido estar aqui, mas também é mainstream e hypado pela comunidade popular.


4º - Grand Blue (34,1%)
Fonte: Mangá
Gênero: Comédia, Seinen, Slice of Life
Diretor: Shinji Takamatsu (Gintama, Danshi Koukosei no Nichijou)
Roteirista: Shinji Takamatsu (Gintama, Danshi Koukosei no Nichijou)
Estúdio: Zero-G (Battery, Tsugumomo)
Episódios: --

SobreUma nova vida começa para Kitahara Iori, ele ingressa na faculdade perto do mar na cidade de Izu, emocionado por um novo começo, ele se muda para casa do seu tio, uma loja de mergulho chamada "Grand Blue." Lá, ele encontra um lindo oceano, belas mulheres, e os homens que gostam de mergulho e álcool.... Iori vai ser capaz de viver sua tão sonhada vida universitária?

Comentário (Gapso): Curioso ver como uma comédia executada tão porcamente - no quesito visual - conseguiu se sair em uma colocação relevante, isso diz muita coisa.


3º - Boku no Hero Academia 3rd Season (36,6%)
Fonte: Mangá
Gênero: Ação, Super Poderes, Escolar, Comédia
Diretor: Kenji Nagakasi (Boku Hero Academia 1 e 2)
Roteirista: Yousuke Kuroda (Boku no Hero 1 e 2, Btooom!)
Estúdio: Bones (FMAB, Boku no Hero, Kekkai Sensen)
Episódios: 25

Sobre:Terceira Temporada. O que é um herói? Para Midoriya Izuku, a resposta dessa pergunta sempre foi simples: “Tudo que eu quero ser!” E quem é o maior herói? Bem, o lendário All Might (Todo Poderoso), é claro. All Might é o herói número um e também o “Símbolo da Paz” mundial. Nem mesmo em seus sonhos mais loucos Izuku poderia imaginar que logo seu caminho cruzaria o de seu herói de infância. Em Boku no Hero Academia o status é governado pelas “Individualidades”, superpoderes singulares que se desenvolvem na infância. Mas infelizmente, o viciado em heróis, Midoriya “Deku” Izuku nunca teve uma Individualidade. Isto é, até conhecer All Might, o maior herói de todos. A transformação de sonhador em herói de Izuku começa na Academia U.A., a melhor escola de treinamento de heróis do Japão. Izuku fica eufórico quando é aceito para essa academia de prestígio, especialmente quando descobre que All Might é um dos professores. Que surpresas essa academia poderosa aguarda? Izuku será capaz de acompanhar os colegas de classe de elite?

Comentário (Nick): Certamente é uma posição obvia e esperada quando olhamos para o culto que está atrás, seguindo o show. Porém, ainda assim, é um show que eu não colocaria dentro de uma posição tão elevada.

Porque? Bem, é uma serie perfeitamente razoável, e continua sendo, mas é inegável, quando olhamos em retrospecto, o downgrade que o anime recebeu desde a estelar luta de All Might. Claro, tivemos um outro momento estrondoso mais a frente com o personagem mais amável da industria, Bakugou, (o destaque de animação da temporada) mas são leves respiradas dentro desse amontado de pálidos episódios. 

Boku no Hero Academia é uma saga em andamento e sem dúvida será por muito tempo. E a forma como esta adaptação foi tratada deve servir de modelo para como mangás semanais de longa duração devem ser adaptados. Certamente reflete o máximo cuidado do comitê de produção, liderado pelo WSJ. Torçamos por mais momentos do melhor personagem - Mineta. 

2º - Asobi Asobase (39%)


Fonte: Manga
Gênero: Comédia, Drama, Escolar
Diretor: Seiji Kishi (Angel Beats, Tsuki ga Kirei, Fate Apocrypha)
Roteirista: Yuuko Kakihara (Hataraku Saibou, Aikatsu Friends)
Estúdio: Lerche (Ass. Class., Danganronpa, Kuzu no Honkai)
Episódios: --

SobreHanako, uma estudante atleticamente proficiente, mas de cabeça grossa, com um senso de moda esquisito, joga um jogo com a estudante de transferência americana Olivia. No entanto, seu vigor irritou seu colega de classe Kasuki, que não gosta de jogar, já que ela sempre foi provada por sua irmã por ser ruim com jogos. Com um rumo dos acontecimentos, descobriu-se que Hanako é terrível em inglês. Assim, ela pediu a sua colega estrangeira, Olivia, para ajudá-la, mas Olivia, que é nascida e criada no Japão com pais estrangeiros, não sabe falar inglês de verdade. E assim começa a vida cotidiana das três novas colegas.

Comentário (Gapso): Essa acabou sendo a comédia mais maluca e extravagante da temporada, era esperado uma posição dessa pela tamanha popularidade que a obra tomou pela sua plena bizarrice. Não sabemos se ficamos tristes ou aliviados com o término dessa peculiaridade da comédia 2D.


1º - Hataraku Saibou (42,7%)
Fonte: Manga
Gênero: Comédia
Diretor: Kenichi Suzuki (JoJo no Kimyou na Bouken (TV), Drifters)
Roteirista: Yuuko Kakihara (Asobi Asobase, Aikatsu Friends) e Kenichi Suzuki
Estúdio: David Production (Serie Jojo's, Inu x Boku SS)
Episódios: --

SobreDentro do corpo humano, há aproximadamente 60 milhões de células. Leucócitos, hemácias, plaquetas, macrófagos, células B de memória, células T killer, células exterminadoras naturais, células B, mastócitos e muito mais! Todas essas células diferentes funcionam incansavelmente dentro do corpo, nunca descansando por um momento, sempre tentando resistir à invasão de entidades estrangeiras como germes e vírus. até o inevitável final! De Akane Shimizu, vencedora do Prêmio Novato do Ano da Shounen Sirius, vem um conto informativo sobre células antropomorfizadas.

Comentário (Gapso): Cells at work estourou como um sucesso esperado pela fórmula excentricamente criativa e bem elaborada do seu roteiro. As plaquetas desse anime dominaram a temporada de julho, e em consequência disso, o resultado não poderia ser diferente.

Bottom Ad [Post Page]