Full width home advertisement

Post Page Advertisement [Top]

Análise Semanalanálise semanal Yagate Kimi ni Naruresenharesenha críticaYagate Kimi ni Naru

Yagate Kimi ni Naru #5 e #6 | Análise Semanal


As escolhas e suas consequências o nome do episódio 5 evidência o quão sensível as pessoas são e como a informação mesmo sigilosa permeia a todos no elenco seja numa brincadeira ou numa verdade.



Começamos tendo a visão da Yuu decifrando a personalidade de todos por seus gostos literários, porém ela não é a única e não precisamos só de livros para decifrar a real intenção de uma pessoa, na verdade é preciso prestar atenção em suas ações e pedidos.

E como uma decisão errada, um livro, pode abalar a mente de alguém, o que digo é que em poucos minutos e usando uma alusão simples o episódio exemplificou-se para então começar a agir grande, diretor e criador nesse momento fizeram bem em deixar algo trivial facilitar o entendimento das regras.

Isto é claro na visão da irmã mais velha da Yuu, onde o seu namorado brinca sobre elas serem um casal Yuri e ela nega, o engraçado da cena é que normalmente é o homem realmente que vai gostar de Yuri, por outro lado ela é mais uma gota de problemas para a relação.
Ao final a forma da Nanami pedir pela receita começa a ser estranha, diferente, e assim a suspeita devagar se torna certeza, o que me faz imaginar quanto tempo elas serão capazes de manter o segredo enquanto o anime tenta revelar o amor ao primeiro instante proibido, pelo menos na família da Yuu sua irmã e pai ligeiramente demostraram serem contra a relação.

Estes detalhes e medos da relação ser revelada é obviamente um destino inevitável ou traumático que pode ou não demorar a vir, e ser agravado pelo fato da Yuu não a “amar” os princípios disso foram na interpretação errada da Nanami sobre o Maki-san e muito provavelmente vai ser levado a níveis bem graves mais tarde.

O que digo é que talvez a tempestade esteja chegando e a questão agora é definir o equilíbrio entre “momentos felizes/slice of life” e “drama”, onde para o meu gosto pessoal devemos ter pouco drama e mais destas lindas trilhas sonoras (lembrando que não li o mangá e estou evitando spoilers).
Na chegada do episódio 6 vemos ela se aproximando pelos dramas começando a permear a série, em particular a cena no rio se mostrou valiosa e carregada de sentimentos, destaco a humilde possibilidade de revelar os pensamentos de cada uma e o choque de informações.

Yagate Kimi ni Naru tem mostrado o seu valor por essa diferente abordagem do amor, na frase “ama quem é solitário” vai na contramão da suposição comum em romances de que “todos estão sozinhos e precisando de amor”, dando outras utilidades para as clássicas disputas amorosas.

É preciso entender outros casos moderno de Yuri e romances, eles geralmente abordam o amor pela visão “cega” ou “eu não tenho dono” onde as protagonistas entram em relacionamentos que acabam se machucando e saem depois para de fato amar quem elas deveriam ter amado desde o começo.

Essa é uma fórmula romancistas que pode ser aplicada em relações gays ou normais, porém Yagate não pensa assim, a relação que machuca é a principal e não é o amor proibido é o amor das consequências onde só uma ama e a outra pretende aprender a amar, ou seja, um choque de expectativas.
O que me intriga é como serão as escolhas delas em relações as opções adiante, a Sayaka está pronta para exigir algo e pode revelar a todos o segredo não tão sigiloso, mas com consequências fatais para a reputação ensaiada da Touko mostrando suas outras faces mentirosas.

Ou seja, para manter o diferencial ainda é preciso evitar alguns padrões como “eu sinto a sua falta” ou “não consigo sem você”, pelo contrário ela disse claramente o oposto “caso você não me ajude, farei sozinha”, o problema é a veracidade das frases porque não estão apenas mentindo entre elas.

E, portanto, assim a tempestade se inicia e o grande teatro toma palco não só o evento da escola como também o anime todo, devemos esperar bons dramas o que significa acompanhar o desenrolar do dia a dia (slice of life é dia a dia feliz), os dois episódios foram ótimos e a escolha dos cenários ajuda na valorização das cenas. E não irei estender mais do que o necessário o post, peço desculpas pelos atrasos, irei tentar retomar ela no formato semanal.

Extras:

Fan art:
fonte


***

Bottom Ad [Post Page]